dicas de estudos

8 melhores dicas para ser produtivo nos estudos

O estudo não é apenas para a noite antes de uma tarefa ser devida ou na noite anterior ao exame.

Nunca é cedo demais – ou tarde demais – para desenvolver bons hábitos de estudo. Quanto mais cedo você entrar em um bom ritmo de estudo, mais fácil será tudo e mais suas chances de obter boas notas vão melhorar.

Aqui estão as nossas principais dicas para tirar o máximo proveito do estudo.

1. Escolha um lugar e hora

Todo mundo tem sua própria ideia sobre o melhor lugar e tempo para estudar. Seja seu quarto à noite ou a biblioteca depois da escola, encontre um espaço de estudo e um período de estudo regular que funcione para você e continue com ele.

  • Configure seu espaço de estudo – Seu espaço de estudo deve ser silencioso, confortável e livre de distrações. Isso deve fazer você se sentir feliz e inspirado. Decore com suas fotos ou objetos favoritos. Se você quiser ouvir música ou queimar incenso, escolha um espaço que permita fazer isso.
  • Encontre seu melhor horário – Algumas pessoas trabalham melhor de manhã. Outros trabalham melhor à noite. Descobrir qual o horário mais adequado para você e planejar estudar. Não estude muito mais tarde do que a sua hora normal de dormir – se esforçar até tarde da noite pode deixá-lo cansado demais para estudar corretamente.

2. Estude todos os dias

Se você estudar um pouco todos os dias, estará continuamente revisando as coisas em sua mente. Isso ajuda você a entender as coisas. Ele também ajuda a evitar o estresse dos últimos minutos.

No começo do ano, uma ou duas horas por noite podem ser o suficiente para ficar por dentro das coisas. No final do ano, talvez você precise estudar mais a cada dia.

Se você está achando difícil encontrar tempo para estudar, reduza algumas (mas não todas!) De suas outras atividades. Priorizar o estudo pode significar gastar menos tempo on-line, ou pode significar reduzir os turnos no trabalho ou deixar passar o esporte nos fins de semana por um tempo.

3. Planeje seu tempo

Ajuda a ter alguns planos em andamento para que você aproveite ao máximo seu tempo de estudo.

  • Definir alarmes – defina alarmes para lembrá-lo dos seus planos de estudo. Um lembrete regular mantém você honesto e seus planos em andamento.
  • Use um planejador de parede – Coloque um calendário ou um planejador de parede para que você possa vê-lo sempre que estiver estudando. Marque com datas importantes, como exames e datas de vencimento de tarefas. Use-o para bloquear o seu horário de estudo regular também.
  • Fazer listas de tarefas – As listas dividem as tarefas em partes gerenciáveis. No início da semana, faça uma lista das coisas que você precisa fazer até o final da semana. Faça uma lista de tarefas no início de cada sessão de estudo também, para que você fique claro sobre o que precisa fazer com seu tempo.
  • Estabeleça limites de tempo – Antes de iniciar sua sessão de estudo, dê uma olhada em sua lista de tarefas e tenha um tempo definido para gastar em cada tarefa. Se você não fizer algo no tempo definido, considere se é o melhor uso do seu tempo para continuar, ou começar a trabalhar em outra coisa.

4. Descubra o seu estilo de aprendizagem

A maioria de nós tem uma maneira preferida de aprender. Conheça o estilo de

aprendizado com o qual você se sente mais à vontade e estude as maneiras pelas quais você aprende melhor.

Observe que esses estilos são apenas uma maneira de pensar em técnicas de estudo difíceis – elas não são regras rígidas e rápidas que dizem que você deve estudar apenas de uma maneira. Experimente cada um deles e veja de que maneiras você prefere.

Os aprendizes auditivos preferem aprender ouvindo. Tente ler suas anotações em voz alta e discuti-las com outras pessoas. Você pode querer registrar pontos-chave e reproduzi-los.

  • Alunos visuais preferem aprender vendo. Tente usar cores em suas anotações e desenhe diagramas para ajudar a representar pontos-chave. Você poderia tentar lembrar algumas idéias como imagens.
  • Alunos táticos / cinestésicos preferem aprender fazendo. Tente usar técnicas como role-playing ou construção de modelos para revisar pontos-chave.

5. Rever e revisar

Pelo menos uma vez por semana você deve rever as coisas que estudou na aula. Pensar sobre as coisas pode ajudá-lo a entender os conceitos e ajudá-lo a lembrar quando você mais precisa deles.

  • Questionário – Peça a um amigo ou membro da família que o questione sobre os principais conceitos. Ofereça-se para ajudar seus amigos com o trabalho deles também. Os questionários são ótimas maneiras de obter confiança sobre o que você sabe e descobrir o que você ainda precisa aprender.
  • Faça seus próprios materiais de estudo – Pense em algumas questões do exame prático ou crie seus próprios cartões de memória flash para ajudá-lo a estudar. Dessa forma, você aprende tudo duas vezes: uma vez quando você faz os materiais de estudo e uma vez quando os usa para revisar.

6. Faça pausas

É importante fazer pausas enquanto você estuda, especialmente se estiver cansado ou frustrado. Trabalhar muito tempo em uma tarefa pode realmente diminuir seu desempenho.

Quando você fizer uma pausa, certifique-se de ficar longe da sua mesa ou do seu espaço de estudo. Um pouco de física – mesmo que seja apenas uma caminhada ao redor do quarteirão – às vezes pode ajudá-lo a analisar um problema de uma maneira diferente e pode até mesmo ajudá-lo a resolvê-lo.

7. Peça ajuda

Se você está preso em alguma coisa, ou algo simplesmente não parece fazer sentido, você sempre pode pedir ajuda. Converse com seus professores ou palestrantes sobre as coisas que você não entende. Converse com seus amigos e colegas também.

8. Mantenha-se motivado

Quando você está estudando, ajuda a ter em mente suas razões para fazer todo esse trabalho duro, como um curso ou um

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *